Médicos reagem a buzinaço bolsonarista em frente a hospital público no Paraná: “Respeite os pacientes”

19

Manifestantes protestaram contra medidas de restrição no combate à pandemia e defenderam uso de “tratamento precoce”

Um grupo de manifestantes bolsonaristas realizou um buzinaço em frente ao Hospital Municipal de Guaratuba, no litoral do Paraná, no sábado (3). Em resposta, médicos da unidade seguraram cartazes pedindo silêncio em respeito aos pacientes.

Segundo informações do G1, o grupo protestava contra medidas de restrição no combate à pandemia e pelo uso de “tratamento precoce” contra a doença, algo que não possui eficácia comprovada. A ação foi organizada pela Associação Comercial e Empresarial de Guaratuba (Acig) e contou com carros carregando a bandeira do Brasil.

Frases como “silêncio, por favor respeite os pacientes” e “números têm nome” foram exibidas pelos profissionais de saúde, entre eles o secretário municipal da pasta, Gabriel Modesto.

“Me entristeceu muito ver pessoas que lá atrás me ligavam de noite pedindo ajuda para um familiar com Covid, e outros que eu sabia que haviam perdido familiares. Foi difícil ver a forma como alguns nos receberam, com palavras contrárias, esquecendo que somos nós que estamos lá a qualquer horário lutando por eles”, lamentou o secretário.

Guaratuba, que tem 37.527 habitantes, já confirmou 3.785 casos de coronavírus desde o começo da pandemia, com 2.748 pessoas recuperadas e 116 mortes registradas pela doença. Os dados constam no último boletim divulgado pela Secretaria de Estado de Saúde (Sesa), no sábado.

FONTE: REVISTA FÓRUM
FOTO: Rafael Domingues Soveral da Silva/Prefeitura de Guaratuba